O que aconteceu?

É começo de abril e já parece inverno! Que páscoa tão amarga esta… E serão oito anos até a próxima primavera, mas que primavera fria será!

Não vi a corda estendida e o corpo pendurado no quarto ao lado, mas senti cada sufoco, até acabar o ar. E por que? Por que dói tanto, mesmo sabendo que a dor já passou?

E fantasmas que não existem mais, voltam a me perseguir. É a sua voz que carrego cada vez que eu canto, a cada pranto. E seus olhos, um de cada cor, já se perderam para os vermes há tanto tempo!

Não fui em nenhum de seus enterros, posso me perdoar algum dia? A terra fria e a carne podre não são o abrigo que eu queria em você.

E veja: apesar de o tempo estar quase parado para mim, hoje já é verão. Ainda um pouco frio, sem muitas cores. Mas mesmo assim, verão!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s